STF encaminha à PGR notícia-crime contra Damares Alves

Nesta última sexta-feira (17), o Supremo Tribunal Federal (STF) encaminhou à Procuradoria-Geral da República (PGR) uma notícia-crime sobre a fala da ministra Damares Alves (Mulher, Família e Direitos Humanos) durante a reunião ministerial de 22 de abril.

A ministra, na ocasião, afirmou que pediria a prisão de governadores e prefeitos que abusam do poder durante a pandemia da covid-19 no Brasil.

O envio para a PGR é considerado praxe nesse tipo de processo judicial.

Cabe agora a Augusto Aras avaliar se há elementos que justifiquem a abertura de inquérito para apurar a conduta de Damares.

“A pandemia vai passar, mas governadores e prefeitos responderão processos e nós vamos pedir inclusive a prisão de governadores e prefeitos. […] O senhor tem uma ministra de Direitos Humanos e uma equipe muito corajosa. São mais de 5.000 procedimentos e ações que estão sendo construídas. Governadores e prefeitos responderão processos. Idosos estão sendo algemados e jogados dentro de camburões no Brasil”, disse na ocasião.