SBT antecipa desligamento de Rachel Sheherazade; nas redes sociais, ela afirma que decisão foi comunicada por e-mail

A jornalista Rachel Sheherazade, que não teve seu contrato renovado com o Sistema Brasileiro de Televisão (SBT), foi às redes sociais nesta segunda-feira (28) para trazer um fato novo em torno da polêmica com a emissora de Silvio Santos.

De acordo com ela, o canal de TV antecipou seu desligamento, antes marcado para 31 de outubro.

Sheherazade conta que foi surpreendida por um e-mail de sua antiga chefia.

“Bem, como vocês já sabem, há cerca de um mês eu e o SBT decidimos não renovar a nossa parceria de quase dez anos, né? Dez anos de trabalho juntos. Nosso contrato deveria seguir até o dia 31 de outubro deste ano, mas o SBT me comunicou através de um e-mail que a partir de hoje, segunda-feira, 28 de setembro, eu não mais precisaria voltar à emissora e, portanto, apresentar o SBT Brasil.”, conta.

A apresentadora afirma que achou melhor vir a público para explicar a ausência na bancada do jornal a partir desta segunda-feira (28).

“Eu achei que seria de bom tom não sair à francesa. Em consideração e em respeito a vocês, meu público, eu venho nesse horário habitual dos telejornais dizer adeus a vocês. Não, adeus, não. Um até breve!”, disse.

A jornalista também defendeu seu período na emissora. Segundo ela, na época em que emitia opiniões no telejornal, o noticiário conseguia até dois dígitos de audiência.

“Sim, as opiniões que vocês tanto sentem falta levaram meu nome e do SBT Brasil ao noticiário. Fomos temas inúmeras vezes de matérias e entrevistas no Brasil e na imprensa estrangeira”, declarou.

CONFIRA