Kim Jong-un transfere para a irmã parte de seus poderes na Coreia do Norte

O ditador comunista da Coreia do Norte, Kim Kong-un, transferiu parte de seus poderes para a sua irmã, Kim Yo-jong.

A informação foi divulgada nesta sexta-feira (21) pelo Serviço Nacional de Inteligência sul-coreano.

De acordo com o órgão, embora o ditador mantenha ‘autoridade absoluta’, a irmã passará a ser responsável pelas relações com os sul-coreanos e os Estados Unidos.

Acredita-se que Kim Yo Jong tenha pouco mais mais de 30 anos. Ela é a única parente próxima do ditador com um papel público na política do país.