Globo é condenada a pagar R$ 200 mil a comentarista demitido antes de jogo

O jornalista Rivelino Teixeira venceu um processo trabalhista contra o Grupo Globo.

A ação, movida por ele, ocorreu após o profissional ser demitido horas antes de uma transmissão da Série B em 2017.

Segundo o portal UOL, a decisão partiu da 5ª Vara do Trabalho de São Paulo.

De acordo com a sentença, a Globo terá que pagar R$ 200 mil em parcelas para o ex-funcionário.

O comentarista, conforme o UOL, foi desligado diante do cenário de demissões no setor de Esporte, em outubro de 2017.

Procurada, a Globo informou que “não se manifesta sobre assuntos sob judice”.

A emissora ainda poderá recorrer da decisão.