‘Ela enganou todo o Brasil’, diz Damares sobre Flordelis

A ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, comentou nesta quinta-feira (27) a relação que tinha com a deputada federal Flordelis (PSD-RJ), denunciada como a mandante do assassinato do marido, pastor Anderson do Carmo.

“Ela enganou todo o Brasil. Ela não enganou só o segmento evangélico. Ela enganou a nação inteira. Nós estamos muito tristes com isso e vamos aguardar agora o resultado da Justiça”, afirmou.

De acordo com Damares, a proximidade dela com a parlamentar sempre foi motivada pela história de adoção de Flordelis, que tem 55 filhos adotivos.

“Conheci ela em 2013 e me apaixonei por aquela história, um monte de criança adotada, e quando ela foi eleita deputada me procurou já como ministra”, lembrou.

Damares ressaltou que a pauta da adoção não deve ser afetada pelo ocorrido.

“Vamos continuar adotando no Brasil, vamos continuar colocando a adoção no nosso coração”, disse.

Para a ministra, que também é advogada, o relatório do Ministério Público do Rio de Janeiro que coloca Flordelis como mandante da morte do marido é “robusto”.