Andrzej Duda torna-se o primeiro Presidente da Polônia a participar da Marcha Nacional pela Vida e Família

Andrzej Duda (48) tornou-se o primeiro Presidente da Polônia a participar do evento anual nacional ‘Marcha pela Vida e Família’, que ocorreu em 20 de Setembro.

Pawel Ozdoba, Presidente do Centro de Vida e Família, disse que os participantes da marcha ficaram “honrados” com a participação do Presidente no evento pró-vida.

“Estamos felizes que as famílias polonesas tenham a pessoa mais importante do país como aliada”, disse Ozdoba.

Em meados de setembro, Ozdoba disse que a maior batalha do século 21 seria a batalha pela família.

“Queremos mostrar que não concordamos com o aborto, que está acontecendo em nosso país com uma frequência surpreendente”, disse ele.

A marcha atraiu cerca de 5.000 pessoas à capital polonesa de Varsóvia.

Embora o aborto seja muito restrito na Polônia, acessível apenas em casos de estupro, incesto, deficiência grave para o nascituro ou quando a vida da mãe está em risco, os manifestantes pró-vida estão pedindo ainda mais proteção para os nascituros.

O campo pró-vida quer que o aborto em casos de deficiência seja removido da lista de razões pelas quais se pode abortar atualmente no país.

Em abril deste ano, os parlamentares poloneses debateram um projeto de lei que eliminaria a deficiência fetal como uma razão viável para a rescisão. Embora o projeto não tenha sido rejeitado, sua análise posterior foi adiada indefinidamente.

Barbara Nowak, superintendente de escolas do distrito de Malopolska, na Polônia, está exigindo que os parlamentares de seu país “se levantem com grande responsabilidade pela civilização da vida e contra a civilização progressiva da morte”.

“Apelo aos juízes do Tribunal Constitucional: não nos obriguem à civilização da morte”, disse ela. “Defendemos uma vida respeitada, do início ao fim. Não queremos ser como no Ocidente, ‘modernos e progressistas’, se isso envolver o assassinato de outra pessoa.”

Este ano marca o 15º evento anual da Marcha pela Vida e Família na Polônia.

Assista ao vídeo abaixo da Marcha Pela Vida e Família deste ano.